Viva Ilhéus: segurança e alegria marcam abertura do evento; edição histórica reúne grandes atrações





O melhor Viva Ilhéus dos últimos anos. Esse foi o sentimento compartilhado pela multidão que tomou conta da Avenida Soares Lopes durante abertura oficial do evento, na noite do último sábado (25), com a presença do vice-prefeito Bebeto Galvão, representando o prefeito Mário Alexandre. O clima de alegria, espontaneidade, irreverência e paz marcou o primeiro dia dos festejos em comemoração ao aniversário de 488 anos da cidade.

Conforme a Polícia Militar, nenhuma ocorrência foi registrada nos espaços. O Viva Ilhéus fortalece a retomada de grandes shows no município, com valorização dos artistas regionais. Até a próxima terça-feira (28), população e visitantes poderão aproveitar a megaestrutura, que conta com dois palcos, Vila Cultural Junina e arena gastronômica.

A animação do público e o entusiasmo dos artistas somaram-se à saudade da festividade, que precisou ser suspensa durante dois anos devido à pandemia. Bebeto frisou que a intenção do Município é fazer desta edição uma edição histórica, visando fortalecer o turismo e as iniciativas culturais. A festa é promovida em parceria com a Superintendência de Fomento ao Turismo do Estado da Bahia (Bahiatursa).

“É o momento de celebrar a vida e comemorar os 488 anos da nossa cidade. Então, nada melhor do que fazer isso com o nosso povo. O prefeito Mário Alexandre solicitou que fizéssemos a abertura oficial do evento, que incrementa a atividade turística e oferece renda aos trabalhadores informais. Estou muito feliz em ver a alegria voltar às ruas e o sorriso estampado no rosto da nossa gente”, destacou o vice-prefeito.

O primeiro dia ficou sob o comando das bandas Top Gan, Kleo Dibah, A Tarraxada e Calango Aceso. Além de integrar o calendário turístico da Bahia, o evento se tornou uma marca da atual gestão municipal, com foco no resgate das tradições nordestinas.  

A Prefeitura garantiu o ordenamento de trânsito e a limpeza dos locais após o encerramento da programação. A Guarda Civil Municipal (GCM) e a Polícia Militar reforçaram o esquema de segurança na Avenida Soares Lopes e nas imediações do evento.

A animação não se concentra apenas no circuito principal. A população também pode visitar a Vila Cultural Junina, espaço que conta com barracas de bebidas e comidas típicas, música, arena gastronômica e comercialização de produtos do artesanato local. Por lá, o público ainda confere intervenções culturais, com apresentação de quadrilhas juninas, Bumba Meu Boi e rodas de capoeira.

“Aproveitei bastante. Ilhéus merece, a população merece e é isso que deixa a festa bonita”, comentou a jovem Mariana Souza, de 22 anos.

Vacinação – O Município reforça o pedido para que os cidadãos atualizem o cartão de vacinação contra a Covid-19. A 4ª dose está disponível para pessoas com 50 anos ou mais e profissionais da saúde que tomaram a 3ª dose há pelo menos quatro meses. O esquema vacinal completo reduz o risco de contaminação e agravamento de casos da doença.

Grade de atrações – Os shows continuam neste domingo (26), com a dupla Hugo & Guilherme; Banda Caninana; Vilões do Forró; Zefa di Zeca; Bete Nascimento e Raneychas.

Nesta segunda-feira (27), véspera do aniversário da cidade, a festa fica por conta do som de Wesley Safadão; Maiara & Maraisa; Canários do Reino; Cris Mel; Caviar com Rapadura e Donas do Bar.

Em comemoração aos 488 anos de Ilhéus, sobem ao palco na próxima terça-feira (28), Geraldo Azevedo; Harmonia do Samba; Thiago Aquino; Thullio Milionário; Trio da Huanna e Neto LX.

A megaestrutura dispõe de dois sistemas de sonorização; iluminação de alta qualidade e salas em octanorm para os efetivos da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Sutram e CGM. O espaço também contempla banheiros químicos; padronização das barracas de ambulantes; detectores de metal; posto médico e pórticos.

close

Inscreva-se para receber conteúdo incrível em sua caixa de e-mail

Não enviamos spam! Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.