InícioSAÚDECaminhada Roxa destaca importância da prevenção, diagnóstico e tratamento da Hanseníase
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Caminhada Roxa destaca importância da prevenção, diagnóstico e tratamento da Hanseníase

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Entrar no Grupo do Whatsapp - 73 9 9868-0000

Em alusão à campanha de combate à Hanseníase, a Prefeitura de Ilhéus e a Rede Hans Bahia promoveram a 3ª edição da “Caminhada Roxa”, ação que objetiva chamar a atenção da população para ações de prevenção, diagnóstico e tratamento da doença. A mobilização aconteceu no último domingo (28), com caminhada na Avenida Soares Lopes e corrida de 5km, da Avenida até as imediações do Aeroporto Jorge Amado, reunindo profissionais da Referência que atuam no município.

Na ocasião, os participantes realizaram roda de conversa sobre educação popular em saúde para alertar a comunidade acerca da suspeição diagnóstica. Também houve aquecimento, alongamento e sorteio de brindes, além de massagem relaxante e liberação miofascial.

Conforme Eliana Melo, enfermeira de referência e vice-diretora da Rede-Hans Bahia, a doença pode ser detectada através de manchas que se manifestam na pele. O diagnóstico e tratamento estão disponíveis gratuitamente no SUS. O Janeiro Roxo é dedicado à promoção de ações para ampliar o conhecimento da população sobre a doença, reforçando a importância do diagnóstico precoce para evitar a ocorrência de sequelas graves.

Instituído pela lei 4173/22, o dia 28 de Abril foi estabelecido como o Dia Municipal de Enfrentamento e Prevenção da Hanseníase. A Rede pretende promover ações nesta data importante a fim de ampliar o trabalho no município.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), cerca de 15 mil novos casos da doença são detectados todos os anos no Brasil. Por isso é fundamental que cada um esteja atento ao próprio corpo, procurando orientação médica em caso de sinais e sintomas suspeitos. As pessoas em tratamento não transmitem mais a doença e podem levar uma vida normal.

Veja Também  Materno-Infantil estimula a preservação das ParteirasTradicionais; “não podemos menosprezar o que elas dizem”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

POST SEMELHANTES

aconteceu

MAIS VISTOS