back to top
InícioEVENTOSIlhéus vibra ao som da Capoeira Angola no Encontro "Herança Ancestral"
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Ilhéus vibra ao som da Capoeira Angola no Encontro “Herança Ancestral”

O Encontro de Capoeira Angola “Herança Ancestral” promete agitar a cidade nos dias 31 de maio e 1º de junho, com uma programação imperdível para quem aprecia a cultura afro-brasileira e a ginga contagiante da capoeira.

O evento, idealizado pelo Coletivo Ginga de Angola e com o apoio da Prefeitura de Ilhéus, contará com a presença ilustre de dois grandes nomes da Capoeira Angola: o Mestre Pelé da Bomba, um dos mais antigos mestres em atividade aos seus 89 anos, e a Mestra Lene, dedicada à capoeira desde a infância e atualmente à gestão da Associação Brasileira de Capoeira Angola (ABCA).

A abertura do encontro será na sexta-feira à noite, no Terreiro Matamba Tombenci Neto, na Conquista, com uma roda de capoeira e apresentações dos grupos Liberdade, Rastafiry, Minikongo e Dilazenze. No sábado, as atividades se concentram no Galpão X, com oficinas, rodas de conversa, apresentações culturais e o encerramento com uma roda de capoeira na Praça da Catedral.

O Encontro de Capoeira Angola “Herança Ancestral” é mais do que um evento, é uma celebração da cultura afro-brasileira e da capoeira como expressão ancestral de luta, resistência e liberdade.

Veja Também  TCM aprova contas de 2022 da Prefeitura de Ilhéus

Confira a programação completa:

31/05, SEXTA-FEIRA Terreiro Matamba Tombenci Neto

• 19 horas – Roda de Capoeira Angola

• 20h30 – Samba de roda, puxada de rede, maculelê, samba reggae e dança afro

01/06, SÁBADO Galpão X

• 08 horas – Despertando o corpo com yoga

• 08h30 – Memórias da velha Bahia: trajetória do Mestre Pelé da Bomba

• 09h30 – Oficina de Capoeira Angola com Mestre Pelé da Bomba

• 11 horas – Um olhar sobre o velho galpão e o centro histórico de Ilhéus – José Nazal

• 12 horas – Feijoada

• 13h30 – Performance “Sobrevivência”, com Thamires Santos

• 14 horas – Roda de conversa: “Entre Nzingas e Dandaras – experiências e desafios das mulheres na capoeira”

• 15 horas – Oficina com a Mestra Lene

• 16h30 – Roda de conversa “Capoeira e política. Que ginga é essa?”

• 18 horas Roda de Capoeira Angola na Praça da Catedral

• 20 horas Samba de roda

Para mais informações, entre em contato pelo telefone (71) 9 9273 7765 ou pelo Instagram @ginga.de.angola.

Veja Também  Denúncias de Tarifas Excessivas e Danos em Veículos pela Empresa de Guincho em Ilhéus Levantam Preocupações

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    POST SEMELHANTES

    aconteceu

    MAIS VISTOS